Archive for the 'Porque eu quis' Category

Shadow Days

FÁCIL –  O que é fácil: adj. Que se faz sem dificuldade: trabalho fácil. Claro, simples, inteligível.  Aquilo o que não tem sido.

Meu último post aqui neste pseudo confessionário foi há algum tempo. Relendo agora percebo com clareza o quanto as coisas mudam em um prazo de tempo tão (curto? longo?) distante da realidade de hoje. E não que eu seja saudosista, mas às vezes gostaria de ser tão inocente quanto era – se não naquele tempo, antes dele. Gostaria de achar ainda que as pessoas são o que dizem ser, que meus amigos para sempre serão (ou seriam) mesmo eternos, que amores são perfeitos quando amados de verdade, que dinheiro não seria problema de acordo com os planejamentos que – óbvio – se cumprirão.

Não tem sido fácil sentir saudade de pessoas e coisas que eram e não são mais. Querer o que nunca tive, não por opção, mas por me ter sido privado assim, na cara dura. Na sacanagem. Enxergar tudo e todos, sem máscaras, sem ilusões, sem censura, como se a vida fosse uma programação de TV totalmente assustadora, e que fossemos obrigados a assistir a tudo, de preferência sem choro nem drama. Chorar não pega bem e ser dramático, hoje em dia, é cafona.

Os últimos meses foram um compilado de videocassetadas do Faustão feat pegadinhas do Silvio Santos. Foi uma sucessão sem fim de: “Não. Não pode ser verdade.” E te dizer que é foda a vida estar de brinks com a sua cara quando você pede tão pouco dela. Tão fácil. Tão sem drama.

Mas dizem que 2012 foi o fim de uma era energética  e que a partir de 21/12/2012 unicórnios voadores dançariam salsa com pirocas no lugar dos chifres na sexta casa do caralho de Vênus   o planeta ia entrar em outro ritmo. Quero, portanto, crer que todas estas merdas que aconteceram – e vem acontecendo – são resquícios do fim do mundo. Ou pelo menos do mundo que foi o meu. Quero crer que vou voltar a sentir vontade de vir aqui e contar a parte boa da vida, a parte fácil, a parte que, por enquanto, não tem sido. Quero crer que o eixo das coisas vai se ajeitar, cedo ou tarde. Que a porra do unicórnio mágico vai dar um coice nesses lixos todos que estão atulhando meu caminho. Quero crer que vai ficar fácil, ou, pelo menos, sem drama. Quero crer. Preciso.

Porque, cá pra nós, eu ODEIO ser cafona.

 

Primeiro post do ano

Tá, eu sei que o ano começou ha 13 dias e blablabla, mas ah. Andei ocupada. Só que o post será longo, portanto aviso aos preguiçosos:

SE VOCÊ NÃO QUER LER SOBRE MUITOS FATOS NÃO MUITO INTERESSANTES POR MUITAS LINHAS, FECHE AGORA A ABA DO SEU CHROME.

(sim, pq uma pessoa que ainda usa o Explorer ou aquela porcaria de Mozilla que atualiza 15x por semana não merece o meu respeito)

Vamos lá.

Passei 12 dias em Venceslost, o que não me dá muito assunto pra contar. Primeiro porque choveu TODOS os dias, exceto no primeiro, quando tomei um solão e fiquei 3 dias roxa. Segundo porque mesmo reencontrando primos e mais primos, as novidades são sempre as mesmas do ano anterior, exceto uma criança que tá cada dia mais velha e faz eu me sentir mais idosa a cada ano. Tipos, “eu te vi de fraldas dançando a Dança da Cordinha, Fulana, e você vai fazer quinze anos!”. u.u Terceiro porque um lugar onde você vai tomar sorvete sentado na praça não é lá muito movimentado, né. Mas é bom. Onde mais eu iria conseguir chegar em qualquer lugar em menos de 10 minutos? Ou tomar sorvete recheado por R$1? Ou rir de chorar com pessoas que em 10 minutos fazem parecer que um ano quase todo não passou de algumas horas, e que a amizade será pra sempre, exatamente a mesma? Ou dormir até tarde, acordar e ter almocinho pronto…  colinho de pai e mãe! 🙂

O mais legal foi levar Tica e Teca junto, e ver as duas fazendo a maior amizade com os gatos lá de casa! Tica no último dia tava até rolando no chão limpo com Veja junto com o preto louco. Os dois. Lokis das dorgas.

Bom, mas daí eu voltei de lá de carro, quase 600km sozinha e tal. O detalhe da viagem não foi nem um babaca apostando corrida (sozinho) comigo e ficando puto cada vez que eu mudava de faixa e ficava tipo 40 carros na frente dele, e nem a multa grave por excesso de velocidade que meu pai me ligou hoje orgulhoso e contente pra me contar e dizer que ficaria feliz em pagar e em aceitar como seu o desconto de pontos da carteira (NOT), ou ainda a overdose de todos os meus mp3 over and over again. Não. Nada disso. O detalhe da viagem de volta foi a Tica miando o.tempo.inteiro. Ela miou assim tipo por umas duas horas. SEGUIDAS. Daí tá, resolvi soltar a gata. Soltei. Daí ela saiu, e sumiu. Em 10 min ela apareceu no meu OMBRO, atrás do banco, e soltou um: “miau?” Caralho! Que susto! Daí ela continuou e não parou nunca mais. O engraçado era que cada hora eu ouvia ela miando de um canto do carro, e eu abria a janela nos pedágios com o maior medo de sair um gato voador e pular na cara da moça do caixa. As vezes eu achava que ela estava incomodada com o volume do som e abaixava. Ela ficava muda. Tipo: oO. … MIAU! Foi foda. Fora que depois de 12 dias numa casa gigantesca, ela ficou uns 4 pra acostumar de volta aqui, e o tédio dela era tanto no apertamento que ela faltava só subir no LUSTRE. Reflitam.

Ah, falando em refletir, semana passada fui assistir Avatar. Não, não foi no Imax e sei que você deve estar pensando: “QUEM na face da Terra mora em SP e não vai assistir Avatar no Imax?!” e eu te digo: “Então tenta comprar o ingresso e vou contigo e vejo de novo.” IMPOSSÍVEL, mané. Tudo esgotado, a não ser que você tope sair da zona sul e ir pra zona oeste em pleno domingo 10h da manhã pra ver um filme de 3 horas de duração. Quer dizer.

Então fui ali no Market Place mesmo. E CARA. O filme é muito bom. Vale muito a pena, em todos os sentidos! É de arrepiar, de chorar, de rir… Vale a pena assistir só pelo trabalho todo e paciência de dar inveja a Jó do James Cameron em esperar todos esses anos pra ter uma tecnologia decente pro roteiro maravilhoso dele… Nem vou falar mais nada. Assiste o trailer:

Ah! E quem falar que Avatar é uma mistura de Smurfs com Thundercats toma porrada, ok? Bjocas!

avatar_smurf_heman

 

Falando em tomar porrada… hoje começou o BBB10. Yay! Três meses de pura diversão e adrenalina, onde a galera vai armar altas confusões e grandes aventuras num clima de muita paquera e azaração! ATORON! Ainda por cima essa versão do BBB tem 6 pés no arco-íris. Reflitam! Babado e baphón! Huehueheuheuehuehuehe! Ah, olha que muito bom o BBBizarro do KibeLoco desse ano:

BBBizarro10a1 Uheuehueheuheueheuheueheuheuhe!!! IMPAGÁVEL!!!

E falando em pagar, hoje fui no shopping procurar um presente e acabei comprando uma blusa. Porque né. Vai ter o show no final de semana e tal… Só que tipo. Foi um PARTO achar uma que eu gostasse naquela porra daquele shopping Morumbi. Eu nunca vi tanta loja com tanta coisa que eu não quisesse. Juro! Daí achei uma… só que TIPO ASSIM que tem um CACHORRO desenhado! UHEUEHUEHEUEHUEHEUEHEUHEUEHEUEHUEHU!!!

DORGAS, MANO!!

Não aguentei. Vou vestida de abêia no show. [/interna] – quem não entendeu, clica aqui.

Só que comprar é uma coisa que não se pode começar a fazer… e eu queria outra blusa. Só que se foi um parto achar UMA, onde eu ia achar OUTRA? Resolvi ir na C&A. Entrei e já desisti de blusa. Nada que prestasse… vi umas calças. Cara. Eu nunca vi numeração de roupa tão louca na vida. Uma calça M serve, e uma tipo PMG (para muito gordas) fica apertada. Oi? Pois é. Mas como C&A pra mim tem um histórico Compre & Arrependa, desisti. Vou viajar com as minhas roupas mesmo que eu ganho mais.

Enfim. Não vou ficar aqui falando de como estou empolgada com essa viagem e com estes shows. Nem de como vai ser sensacional passar o meu aniversário no Rio, vendo isso:

de perto, de novo. Nem de como eu já estou quase tendo trigêmeos pelo nariz de ansiedade, e querendo dormir e acordar logo pro tempo passar depressa!

E sabe o que é melhor? Que enquanto não estiver assistindo os shows, vou estar por aqui…

rio-de-janeiro-beach-leblon-1

De sexta a domingo… e daí, na segunda, dia 18… FÉRIAS! E depois de uma semaninha de férias com a amiga querida que vem de Ribeirão pra biscatear por São Paulo… FERIADO EM PLENA SEGUNDA-FEIRA!

Fala sério. Deus é bom. É mulher. E gosta de mim!!!

Agora deixo vocês aí com inveja e vou nessa.

Beijo, putada!

#PAS [/interna2]

porta-trecos

Semana agitada.

Ganhar ingresso vip pra comédia stand up contando cantada de pedreiro tosca no twitter; pagar pra ser chamada de ALOKA!*; cineminha pra assistir Distrito 9; muito MUITO trabalho.

Fim de semana digno.

Ir no shopping com a amiga comer porcaria e finalmente comprar meu Adidas Originals, lindão de cano alto¹; assistir 3 episódios seguidos de LW² até 6h da manhã e capotar no sofá; almoçar Doritos; assistir mais LW com a outra amiga via MSN, a tarde toda, e ir comentando cada detalhe; cerveja por horas com mais 10, rindo até chorar; acertar o lado do bolo e realmente achar que o pedido vai se realizar…; assistir Altas Horas com as meninas via MSN e comentar cada detalhe de enrrugadinha de nariz, dancinha de bonecão de Olinda e o tênis moleca do nosso bofinho lindo³, além de secar a bundinha do John *___*; assistir o resto da temporada que falta e acordar feliz amanhã 5h da tarde pra ir no Credicard comprar os ingressos da sexta. \o/

É muito amor no meu coração. 🙂

*Iris, essa foi pra tu! (L)

1. =)

2. Tina e Angelica! *_______*

3. Bofinho, tu tem twitter?

ana2

                                  “ééé…”

Bjs

 

Achei digno!

Fuçando no blog do Evandro (o Christian Pior, pra quem não sabe) achei este post e a-do-rei! Colei aqui. Leiam!

Tô bege bolacha de pobre!
Tô fúcsia boate vazia!
Tô verde doença de verão!
E vamos logo botar pra ferver, quebrar, e causar e aqui vai mais Um post animado/descarado/irado/bobo
Adoro(que também é título de livro do Sig Bergamim)
1-Gordinha que adora ser gordinha, não pede desculpas por ser gordinha, ama, trabalha, vai á praia , tem bofe e tem uma vida bem mais interessante que contar calorias de uma salada ou de um hot dog daqueles de deixar feliz qualquer motoboy!
2-Gente bem humorada e gentil na academia, que não faz carão na hora de revezar o aparelho, que não fica com cara de empáfia em frente do espelho, enquanto levanta a camiseta para mostrar o tanque , que não fica dando risadinhas maldosas quando chega aluno novo e não malhado.
3-Gente que tem cultura musical, seja ela musica eletrônica, seja ela colecionadora de discos de vinil, seja ela apaixonada por MPB, ou anos 80 ou brega ou sei lá, com uma paixão avassaladora por Madonna, ou por Rita Lee, ou pelo Michael, ou pela Elis Regina.
Amo pessoas sensíveis á música e que já acordam ou cantando ou ouvindo algo.
4-Gente que ri alto, no cinema, no restaurante, que dá aquela quebra do povo falando como se tudo fosse um segredo.
As vezes a boa educação é muito chata e extremamente castradora.
Um pouco de Elke Maravilha no mundo, só faz bem ás pessoas.
Ria,ria muito até porque dizem que ri, trabalha o abdomem.
5-Gente que ainda chora, grita, sangra e sofre por amor.
Não tem como ter uma vida amorosa e não pagar alguns micos.
Com o tempo a gente vai aprendendo alguns macetes, mas imunes aos micos, nunca seremos.
Só se você for travado demais, mas aí, que graça vai ter a vida, né?
Ame, dê vexame, peça desculpas e depois nos conte, porque queremos rir também.
E depois nós contamos as nossas desilusões.
6-Vendedores de shopping que nos oferecem água, café, champanhe, bala, catálogo, revista e convites para festinhas.
Gosto daquels vendedores que conseguem fazer você acreditar por 15 minutos que a vida é uma grande festa em que todos os doces não engordam e não dão azia.
Vendedor antipático é tão anos 90…
7-Gente que assume que lê um Sidney Sheldon, que assiste um BBB, Uma Fazenda, que vai em Micareta, que adora Gossip Girl, que vê novela e que chora quando acaba, que ama Victor e Leo.
Gente que obra e anda para o pessoal cool, chic ,tonto e artificial que tanto permeia nossa sociedade.
Gente que se sente bem em sua própria pele.
Gente que não pede desculpas e sim, licença porque vou passar, porque a felicidade me espera logo ali!
"Ser feliz custa bem menos que ser chic e dá menos trabalho"…

beijos e grifes, Evandro

http://www.evandrosanto.com.br
http://www.twitter.com/santoevandro

Roteiro Cultural

Bom, faz um pouco de tempo que eu não posto por aqui um roteiro de coisas boas que vi, ouvi, li e recomendo.

Como as últimas semanas tem sido extremamente proveitosas culturalmente falando, vou indicar por aqui uma lista de coisas que vi que recomendo sem medo algum.

Primeiro os filmes:

1) Se Beber, não case.

Pode parecer idiota (talvez pelo nome), mas o filme é sensacional. Engraçadíssimo, muito bem construído, intrigante até o final e com uma trilha incrível! Recomendo sem nenhuma restrição: vale a pena cada centavo do ingresso pago.

2) Anticristo

Pra quem curte Lars Von Trier (de DogVille e Dançando no Escuro). Um filme pesado, denso, explícito em todos os sentidos: morte, sexo, violência e mutilação. Dá pra pegar no ar a tensão e a angústia e tristeza profunda vivida pelos dois únicos personagens do filme. É simplesmente explêndido. Maravilhoso e a trilha deixa Hitchcock no chinelo. Pipoca não combina com este filme.

 

3) Up

Pixar. Preciso falar mais alguma coisa? Detalhes impecáveis, história muito boa, humor e drama na medida certa. Como eu disse: PIXAR.

Eu poderia falar de Peixe Grande, que assisti de novo após 5 anos, ou de coisas como Os Normais 2 e Força-G, mas não vou falar. Não vou porque Força-G não é algo que eu indicaria sem medos, e Os Normais 2 é um lixo. E a respeito de Peixe Grande, este, eu nem falo nada. Não tenho palavras suficientes. Assistam ao trailer e só. Eu choro como criança no final, mesmo 5 anos depois…

 

Bem, agora vamos falar de livros.

Terminei de ler a coletânea de tiras do Garfield e, bom, só posso dizer que me fez rir a cada página. Algumas, rir de chorar!

Agora retomei à minha saga da Torre Negra. Retomei o volume IV – Mago e Vidro. Bom, acho que já falei aqui do Stephen King e dos 7 livros que compõem a história de Roland, o último pistoleiro do Mundo Médio. Mas caso alguém não saiba do que estou falando, clique aqui.

Agora a terceira e última etapa do meu roteiro: música.

CD novo do Mika. Eu recomendo, recomendo de novo e só pra ter certeza: recomendo MAIS. The Boy Who Knew Too Much está maravilhoso, da primeira à última faixa. MUI-TO-BOM. Bom, Mika é Mika, né? Saca só a nova música de divulgação do álbum:

Porra, essa música fez a minha semana inteira!!! Muito bom! Além de lindo, cantar do jeito mais alegre que alguém consegue e ter letras sensacionais, o Mika faz os MELHORES clipes!! LOVE, LOVE MIKA!

Falando em cantar, COMPREI HOJE ingresso pra 2 dos 3 shows que estou esperando mais desesperadamente pra este ano: Maria Gadu e Isabella Taviani. Uma vou ver da BEIRA do palco, a outra, da terceira fileira de mesas. Juro, fazia um bom tempo que um pedacinho de papel não me deixava tão tão feliz! Agora só falta Aninha liberar pro Credicard começar a vender, né? Tentei comprar hoje, mas ainda não tá vendendo não.

DSC04384

\o/ \o/ \o/

Pra encerrar, um videozinho de cada uma só pra dar um saborzinho no que esses ingressos representam.

Fui!

Separados na maternidade

garfield DSC04104

Garfield e Tica

Qualquer semelhança é MERA coincidência.

Como manter o bom humor

Hoje eu acordei decidida a mudar meu comportamento. Por muitos motivos, se te interessa saber. Mas né,  quando sua própria terapeuta te diz que você tá carregada de energias negativas assim que você chega, e diz que seu namorado deveria ganhar o prêmio do “Saco de Ouro” depois de você contar de alguma briga (que tinha certeza estar com a razão), acho que é por que chegou o momento de dar uma chacoalhada.

Daí eu, rainha do Mau Humor, resolvi procurar no Google técnicas e dicas para manter o bom humor. Daí, eu leio as técnicas e me dá um mau humor MAIOR ainda. Veja bem. Abaixo, as dicas. Em vermelho, meus comentários:

  • Inicie o dia bebendo água e tomando banho. Fazer pelo menos 20 minutos de alguma ginástica pela manhã. Se possível, acordar e dormir cedo. – É, pois eu trabalho o dia inteiro e tenho que chegar em casa e IR DORMIR CEDO, ao invés de buscar algo que me dê algum prazer, tipo me estatelar no sofá e assistir DVDs. E, claro, acordar mais cedo do que já acordo pra fazer ginástica e tomar banho vai melhorar meu humor. Ha-ha.
  • Procure, pelo menos uma vez por semana, espaços abertos, em campo, montanhas ou praias. Se possível, abrace uma árvore, pois por mais estranho que pareça, ao abraçar uma árvore você está entrando em contato com a madeira e a terra, drenando suas tensões e recarregando suas energias. – Aham. Super fácil ir pro campo, montanha ou praia 1x por semana. Aliás, por que será que eu não estou lá agora, mesmo? E abraçar uma árvore? Sem comentários.
  • Cultive sentimentos nobres como generosidade e solidariedade, pois clareiam a nossa aura e minimizam o feio de nossos erros. – Alguém tem solidariedade por mim? Ahn? Hein? Ah, é. Esses dias meu sapato preferido (que já está laceado de tanto usar) saiu tantas vezes do meu pé da porta da empresa até a esquina que uma estranha que caminhava perto de mim me ofereceu um band-aid. Obrigada, Deus. Vou ser solidária assim também.
  • Expanda horizontes preocupando-se apenas em ser fiel a si mesmo e maleável a diversos gostos. – É, por que eu sou infiel a mim mesma, né. E tenho aquela-mesma-opinião-formada-sobre-tudo. Bite me, médico fã de Raul Seixas de merda.
  • Trabalhe com prazer. – Sem comentários aqui.
  • Faça amigos. – Já tenho amigos. Poucos e excelentes.
  • Caminhe e tome banho de mar, rio, piscina ou chuveiro após algum aborrecimento. A água limpa, leva e lava. – É. Vou ali dar uma volta na praia / cachoeira / banheiro de casa toda vez que fico puta com alguma coisa no trânsito ou no trabalho. 🙂

 

Fonte: Retirado de João Curvo. A arte de se cuidar

Fala sério. Prefiro fazer minhas próprias dicas de como manter o bom humor. E tenho CERTEZA que, se funciona pra mim, funciona pra muita gente. Ou vocês aí curtem fazer ginástica 5h da manhã e sair abraçando árvores? Né. Então vamos lá para as

Dicas da Muriel de Como Manter o Bom Humor!!!

1 ) Durma bastante. Um ser humano com sono, é um ser humano que não trabalha com toda a sua capacidade. Durma muito, durma mesmo! Se der pra dar uma atrasadinha no trabalho – dê! Dormir é uma dádiva de Deus. Acorde e vá tirar um cochilo!

2 ) Coma coisas gostosas. Ok, não precisa exagerar e se empanturrar de comida gorda e doces 4x por dia, pois desta forma você vai virar uma chupeta de baleia e ao invés de ativar seu bom humor, você vai virar um monstro neandertal comedor de pessoas felizes. Sério. Experiência própria. Mas, dar uma bitoca num Cornetto de vez em quando, escapulir e se presentear com um x Salada em plena quarta-feira ou coisas do tipo fazem um ser vivo muito mais feliz!

3 ) Faça sexo. É, galera. Aposto que todo mundo aqui ou já falou ou já ouviu alguém dizer: “Nossa, aquela mulher é uma cobra. Mal comida do caralho!”. Gentem. Vamos combinar, né, que de mal comidas este mundo já está cheio! Vamos entrar pro time das bem comidas, tá? Sexo é um dos melhores antidepressivos ever!

4 ) Dê risada. Não tem nada engraçado por perto? Faça ter! Dê um susto no gato, brinque com seu cachorro retardado, tire sarro de alguém! Assista alguns seriados bons (Friends, 2 and a Half Man, Big Bang Theory, Scrubs e The New Adventures of the Old Christine são ótimos exemplos) por algumas horas. Peça pro seu pai uma fita cassete do Ary Toledo – aposto que ele tem uma.  Esconda a carteira de algum colega e veja seu desespero, ou entre no Orkut em alguma comunidade onde as pessoas contem micos que pagaram. Em último caso acesse o Youtube e digite na busca coisas do tipo “people falling down” ou “funny animals”. Ou ainda acesse os sites que falei no post abaixo. O importante é rir. Rir até chorar!

5 ) Não se preocupe com grana. E se você não é rico a ponto de não se preocupar com grana, pule este tópico e vá para o número 6.

6 ) Ligue o foda-se. Tá sem grana? Tá gorda? Tá feia? O namorado arranjou uma mais gorda, mais feia e mais pobre? O emprego tá uma bosta? FODA-SE. Viva como se nada estivesse acontecendo. Não fique pensando nos problemas o tempo inteiro, finja que eles nem existem. Trabalhe como se o seu emprego não fosse uma bosta, e pelas costas do cuzão do chefe, fale mal dele! Não pense na grana que você não tem ou no que tem que pagar, apenas pare de gastar com bobagens e com o que sobrar você se acerta! Não fique se achando uma bola inflável de banha, páre de comer bosta! Tá feia? Passa uma maquiagem! E se nada disso adiantar, coma um monte de chocolate vendo ou lendo coisas que te façam rir. FODA-SE. Ninguém paga tuas contas, mesmo. Ou aquela sua conhecida cretina, magra, linda e rica tem alguma coisa a ver com suas celulites de pobre? Hein? Tem? Não tem.

7 ) Ouça música. Experiência própria: quando você está muito fodido da cara com algum motivo, ouvir aquela música que você gosta faz milagres. Vale tudo: axé, forró, pagode, eletrônica, sertanejo, MPB, jazz, blues, hip hop, hap, heavy metal… É. Heavy Metal. Esses dias eu estava indo buscar meu carro no estacionamento, e tinha um cara dentro de um carro, encostado no banco de olhos fechados, ouvindo heavy metal no talo, e relaxando. Sério. Ogros mitológicos urrando como se estivessem sendo castrados com uma faquinha de serra acalmam pessoas. Então foda-se o que você gosta de ouvir: ouça. 

8 ) Fofoque. Existe coisa mais gostosa que sentar num boteco com um amigo, abrir uma cerveja gelada e escutar aquele bafão? Ou sair pra almoçar com alguém e ficar sabendo que aquela cuzona foi chifrada por aquele escroto, e que é muito bem-feito pra ela e pra ele, pois a amante é uma safada sem vergonha que está afundada até o rabo no bafão que você soube no boteco? Não tem. Falar mal da vida alheia é quase tão calmante quanto dar risada. Aliás, acho que uma coisa está fortemente ligada à outra, não sei por quê…

9 ) Não sinta dor. Ninguém no mundo nasceu pra sentir dor. Se você está com dor, e porque alguma coisa não está certa. Amigos, nada como manter sempre a mão uma dipirona, um paracetamol e um complexo digestivo. Acreditem. Uma neosaldina faz milagres a um ser mau humorado.

10 ) Fale o que pensa. Engolir sapos é uma atrocidade cometida contra você mesmo. Se o sapo for uma pequena rã africana, sem veneno e que só vai te dar alguns soluços, recomendo que faça este esforço. Afinal, às vezes uma rã pode te demitir, cortar sua mesada ou até mesmo te mandar tomar bem no meio do cu na frente de todo mundo. Mas se for um sapo daqueles bonitos, grandes e saudáveis, que inflam cada vez mais e simplesmente não vão descer pela sua goela, nem à força, não force. Vire para o escroto dono do sapo e mande ele tomar bem no meio do cu dele, na frente de todo mundo. Foda-se se for seu chefe. Ou você quer trabalhar pra alguém que te humilha?

Eu poderia sair falando e numerando mais bilhões de técnicas, mas como eu mesma raramente as cumpro, acho que 10 já está de bom tamanho.

Tente por em prática pelo menos uns 3 destes tópicos. O efeito é imediato. 😉


Muris in the air

Acho que posso considerar este blog como uma espécie de sanatório particular. Psicanálise digital. Do tipo: eu reclamo, você lê. =o)

Contando e rodando!

  • 33,463 caídas de para-quedas por aqui...

Twitter

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

Submarino.com.br

Patrocinado

CDs - Submarino.com.br
maio 2017
S T Q Q S S D
« mar    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

%d blogueiros gostam disto: